Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

João Azevêdo entrega segundo castramóvel e destaca investimentos na política pública da causa animal

João Azevêdo entrega segundo castramóvel e destaca investimentos na política pública da causa animal


O governador João Azevêdo entregou, nesta quinta-feira (4), no Hemocentro de João Pessoa, a segunda unidade do Castramóvel, serviço do programa Paraíba Pet que visa fortalecer o controle populacional de cães e gatos e garantir o bem-estar animal. O novo castramóvel representa um investimento de R$ 200 mil e irá atender a cidade de João Pessoa e região.

Desde a entrega da primeira unidade, que atende o município de Campina Grande e região, o castramóvel já realizou mais de 600 atendimentos, que incluem avaliação, consultas e castrações. O público-alvo atendido é formado por animais de famílias em situação de vulnerabilidade social, ONGs e protetores independentes que atuam na causa animal.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou o compromisso do governo com a causa animal e assegurou a ampliação das políticas públicas para atender todos os municípios do estado. “São várias ações que integram o programa Paraíba Pet. Além das castrações, estamos firmando parcerias com os municípios para que eles possam ser ressarcidos das ações voltadas para a causa animal, também fornecemos rações, credenciamos clínicas, ou seja, é uma política que está dando resultado e vamos ampliar esse serviço para toda a Paraíba, com mais uma unidade do castramóvel no Sertão”, frisou.

O secretário de estado da Saúde, Arymatheus Reis, evidenciou a estrutura ampla e moderna, que está sendo entregue pelo governador dentro da política de expansão da saúde animal.  “Nós entregamos uma estrutura de bloco cirúrgico veterinário que irá percorrer todas as cidades da Região Metropolitana que integram  a 1ª macrorregião, levando esse benefício à saúde animal e temos a previsão de fazer 600 castrações no primeiro mês de funcionamento. A nossa pretensão é reforçar o atendimento nas áreas mais carentes porque entendemos a importância dessa política pública”, sustentou.

A gerente operacional de Políticas Públicas da Causa Animal no Estado, Fabíola Rezende, explicou que, além da presença do castramóvel nos municípios, os tutores podem solicitar a castração dos animais diretamente na gerência do programa Paraíba Pet, localizada na Avenida Dom Pedro II. “Nós vamos apresentar um cronograma dos municípios que iremos visitar e também estamos presentes nos municípios que sediam as plenárias do Orçamento Democrático. Além disso, já abrimos os credenciamentos das clínicas veterinárias que podem se cadastrar para fazer os procedimentos, representando também uma oportunidade de geração de emprego e renda na classe veterinária”, pontuou.

A protetora animal Rebeca Bonifácio enalteceu mais uma conquista de proteção entregue pelo governo. “Essa é uma ação que visa reduzir o número de animais abandonados nas ruas, ou seja, mais sofrimento. Esse projeto vai fazer uma grande diferença para os protetores e ativistas que estão envolvidos nessa causa e dependem dessa política pública para continuar com a sua missão”, disse.

Prestigiaram a solenidade o deputado estadual João Gonçalves; o vice-prefeito de João Pessoa, Léo Bezerra; o vereador Marcelo da Torre; além do secretário da Administração, Tibério Limeira, e do secretário de Gestão Hospitalar, Patrick Almeida.

Paraíba Pet – o programa tem o objetivo de promover os direitos, o bem-estar e a melhoria da qualidade de vida dos animais, além de formar uma sociedade mais consciente e responsável em relação aos cuidados e proteção, bem como garantir acesso aos serviços veterinários essenciais, com foco na castração, nas ações de educação em saúde, na vacinação (ofertada pelo SUS) e no tratamento de doenças.

A política é baseada nos eixos da educação em saúde; adoção responsável; parcerias e convênios com instituições de ensino e entes municipais; e castração de cães e gatos, com incentivo financeiro aos municípios paraibanos para expansão do controle populacional dos animais e na execução de ações de educação em saúde.





Link da fonte aqui!